HNB adota Projeto Nutrir

Postado em: 30/05/2014

Reafirmando seu pioneirismo e comprometimento com as chamadas boas práticas de responsabilidade social, o Hospital Nipo-Brasileiro (HNB) tornou-se a primeira instituição hospitalar a adotar o Projeto Nutrir, uma iniciativa  de referência mundial  criada há 15 anos pela multinacional  Nestlé,  focada em educação alimentar para famílias de baixa renda.

Tendo como objetivo contribuir para a educação alimentar de famílias em situação sócio-econômica desfavorável, o Projeto Nutrir utiliza a Educação como estratégia para colaborar na transformação das comunidades. 

Dados divulgados pela Nestlé em 2014 revelam que esse programa já beneficiou  mais de 1,9 milhão de crianças e adolescentes em mais de 6,7 mil escolas brasileiras, capacitando mais de 17, 3 mil educadores.

Como uma iniciativa do Centro de Estudos coordenado pelo Dr. Flávio Sano,  e apoio total da diretoria do HNB, a adoção do programa começou a se concretizar em 2007, quando uma equipe do Projeto Nutrir, formada por nutricionista, culinarista e educadora, treinou e capacitou as colaboradoras do Serviço Social e da Unidade de Alimentação e Nutrição, bem como voluntárias da Comunidade local.


Patologias

Adotado efetivamente em abril de 2008, o Projeto Nutrir foi iniciado após a identificação da anemia e da parasitose como os dois principais problemas do grupo de pacientes  atendido pela equipe médica pediátrica do ambulatório da unidade comunitária do HNB.

Elaborado totalmente com foco nesse grupo,  o conteúdo do programa incorporou adicionalmente o registro de peso, idade, sexo, altura e o Índice de Massa Corpórea (IMC) de todas as crianças participantes para a realização da Avaliação Nutricional.

Com aulas práticas e teóricas ministradas separadamente para mães e crianças, foram abordados como temas principais, Noções de Higiene Pessoal, Higiene da Água e dos Alimentos, Cuidados na Manipulação dos Alimentos, Alimentação Saudável, Reaproveitamento dos Alimentos e Anemia.

Mesclados deliberadamente, os conteúdos procuram incluir atividades lúdicas, visando tornar o ambiente mais descontraído e acolhedor. E após as aulas teóricas, algumas receitas relacionadas aos temas são preparadas e finalizadas com a degustação dos pratos.

Acompanhadas pelos  respectivos responsáveis, as crianças participam das atividades separadamente, com foco em alimentação saudável e noções de higiene pessoal, através de dinâmicas próprias e com apoio de desenhos animados e brincadeiras específicas.

Resultados

Transcorridos seis (6) meses, a coordenação do HNB do Projeto Nutrir realizou novamente a aferição do Índice de Massa Corpórea (IMC) da população atendida inicialmente pelo programa, para avaliação dos índices de anemia e parasitose intestinal.

O resultado apresentou uma média de 74% de melhora e as crianças que continuaram com o mesmo diagnóstico foram encaminhadas para o ambulatório de nutrição para o devido acompanhamento. 

Atualmente, a unidade comunitária do Hospital Nipo-Brasileiro beneficia 1.504 famílias que vivem em seu entorno, envolvendo  2.116 crianças.

Em razão do aumento do número de crianças com dislipidemia e obesidade, a coordenação do Projeto Nutrir do HNB deverá eleger essas duas patologias como tema  para 2014.

A equipe do Projeto Nutrir do HNB apresenta a seguinte composição: Miriam Igai (Chefe do Serviço Social); Erica U Watanabe (Chefe da Unidade de Nutrição); Elisa M A dos Santos (Nutricionista); Simone Masumoto (Nutricionista); Keilha de Oliveira (Assistente Social); Mayara Alves Cardoso (Assistente Social); Dra. Vera Lucia Yamaguchi; Dra. Aurea Noriko K Aoki; e Dra. Patricia Otoni Mendonça (Pediatras da Unidade Comunitária).

O HNB é a primeira instituição hospitalar a adotar o Projeto Nutrir, uma iniciativa  de referência mundial (Foto: Serviço Social)


Compartilhe: