Alimentação saudável contribui para preservação da memória

Postado em: 10/03/2016

No mês de fevereiro o Serviço Social do Hospital Nipo-Brasileiro (HNB) promoveu a palestra gratuita sobre “Alimentação e Memória”. Com orientações da nutricionista do HNB, Dayana Gonçalves Ferreira, o público conferiu como uma alimentação correta ajuda a preservar a memória.

(Foto: Serviço Social)

“A prevalência de jovens e adultos, com idades entre 18 e 34 anos, com maior dificuldade do que pessoas com mais de 55 anos de lembrar de datas (15% vs. 7%), onde guardam as chaves (14% vs. 8%), de fazer o almoço (9% vs. 3%) e até de tomar banho (6% vs. 2%), vem crescendo a cada ano no Brasil. A falta de nutrientes devido à alimentação de menor qualidade pode contribuir para esse fato. Existem alimentos naturais ou enriquecidos com aditivos alimentares, como vitaminas, minerais, fibras, etc., que podem contribuir para a manutenção da saúde”, explicou a nutricionista.

(Foto: Serviço Social)

DICAS PARA ESTUDANTES EM VÉSPERA DE PROVAS

Os 9 passos para a boa memória:

1. Manter a boa pressão arterial e circulação;
2. Evitar excesso de bebidas alcoólicas e medicamentos;
3. Dormir bem (6 a 8 horas por dia);
4. Associar a lembrança a uma imagem;
5. Fazer exercícios mentais;
6. Fazer exercícios físicos;
7. Cuidar da alimentação;
8. Ter vida social;
9. Cultivar o bom humor.


Compartilhe: